Entre em contato pelo WhatsApp
  • Youtube

Como fazer striptease

Ensaiar antes ajuda a perder a timidez e sentir-se mais segura

por Mariana Bueno

striptease surgiu em teatros e cabarés, mas ganhou espaço entre os casais apaixonados e se tornou uma dança sensual

muito usada para aquecer a relação e estimular a atividade sexual. Segundo a professora de artes sensuais Celine Imaguire, autora do

livro “Striptease e artes sensuais – A estrela é Você” (Editora Éden), trazer novidades estimulantes para apimentar o namoro ou

casamento é essencial para que o relacionamento não caia na monotonia. “Não importa se a mulher nunca praticou um strip, ou se acha

sem jeito,ou se está acima do peso… Todas podem descobrir sua capacidade de aumentar o seu potencial de sensualidade. Com um

pouquinho de coragem e treinamento, é possível se obter um resultado compensador”, afirma.

Ela diz que, em geral, os homens adoram que suas mulheres façam stripteases para eles. “Se uma mulher quer realmente encantar o

amado, o strip é um presente inesquecível e uma grande homenagem”, diz.

Dicas para striptease

– Planeje com antecedência o striptease completo ou fantasia que vai realizar e escolha de acordo com seu gosto e “personagem”.

– Sabia o que fica melhor para você e a lingerie que mais valoriza o seu corpo e estilo. Leve em conta seu tipo físico, sua cor de pele,

idade, etc. Mas o mais importante é se sentir sexo, linda e a vontade com sua lingerie.

– A música é essencial no striptease feminino Procure escolher musicas que despertem o seu tesão, pois desta maneira facilitar o seu

desempenho. Prefira ritmos estimulantes e sensuais e evite musicas muito românticas ou tristes.

– Treine em frente ao espelho, sozinha, usando a lingerie e a música. Aproveite para testar também a maquiagem que irá usar no dia.

– A elegância é muito importante na hora do strip. Alongue a coluna e evite rebolar muito. Deixe apenas que os quadris se movimentem

naturalmente seguindo o ritmo da música.

– Comece a tirar a roupa o mais lento possível, sempre provocando. Faça que vá tirar uma peça e não tire. Enquanto dança, pare um

pouquinho faça algumas poses. Conserve a calcinha e os saltos altos, é um fetiche deixar por último.

– Fazer cursos de strip ou ler livros sobre o tema podem aprimorar seus conhecimentos.

 

Profª Celine Imaguire

Compartilhar